Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11690/643
Authors: Tomasini, Maristela Bleggi
Title: Memória Social em cartas de amor: sensibilidades e sociabilidades na Porto Alegre da década de 1920
Keywords: Cartas de amor;Memória social;Sensibilidades;Sociabilidades;Porto Alegre;Década de 1920
Issue Date: 2012
Publisher: Centro Universitário La Salle
Abstract: Este trabalho se insere no campo da História Cultural, tendo como tema central memória social, sensibilidades e sociabilidades. Sua fonte consiste em cartas de amor escritas em Porto Alegre durante a década de 1920, documentos que envolvem pessoas reais, cuja identidade é aqui preservada. A pesquisa teve por objetivo construir o processo de memória social a partir das cartas, identificando manifestações de sensibilidades e de sociabilidades típicas da Porto Alegre de então ― 1922 a 1926 ― com base em elementos de memória indicados na correspondência. Primeiramente foi contextualizada a fonte, para registro de sua história, e fixação da trajetória de suas transmissões patrimoniais. Procedeu-se à sistematização da fonte para estabelecer um plano classificatório voltado à organização dos dados, ao estabelecimento de categorias e à descrição dos conteúdos, visando aos objetivos apontados, bem como à construção do produto final, O Diário de Francisco, uma criação de ordem literária e artística (conto) inspirada em referências constantes das cartas. Os conteúdos dos capítulos subsequentes à classificação do corpus documental consistem na identificação de elementos da subjetividade que aparecem nas cartas (escritas de si) de Francisco para Maria, respaldando sensibilidades e sociabilidades na década de 1920, e de elementos do urbano, ressaltando a cidade de Porto Alegre, onde se deu esta troca epistolar.
This work belongs to the field of Cultural History, whose central theme social memory, sensitivities and sociability. Your source consists of love letters written in Porto Alegre during the 1920s, documents involving real people, whose identity is preserved here. The research aimed to construct the process of social memory from letters, identifying expressions of sensitivities and sociability typical of Porto Alegre then - from 1922 to 1926 - based on memory elements indicated in the correspond-ence. First was contextualized to the source, to record their history, and setting the trajectory of their capital transfers. Proceeds to the systematization of the source to establish a plan aimed at classifying data organization, the establishment of catego-ries and the description of contents, aiming at the objectives mentioned, as well as the construction of the final product, The Diary of Francis, a creation of order literary and artistic (short story) inspired by references in the letters. The contents of the sub-sequent chapters the classification of documentary corpus, consist in identifying ele-ments of subjectivity that appear in the letters (self writing ) for Mary Francis, endors-ing sensitivities and sociability in the 1920s, and urban elements, highlighting the city Porto Alegre, where has this epistolary exchange.
metadata.dc.contributor.advisor: Santos, Nádia Maria Weber
metadata.dc.contributor.advisorco: Graebin, Cleusa
Appears in Collections:Dissertação (PPGMSBC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
mbtomasini.pdf907.27 kBpdfView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.