Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11690/1872
Authors: Souza, Tatiane da Silva
Title: A mediação como um método adequado ao tratamento de conflitos familiares envolvendo abandono afetivo em alternativa ao processo judicial
Keywords: Mediação;Abandono afetivo;Conflitos familiares;Família
Issue Date: 2020
Publisher: Universidade La Salle
Citation: SOUZA, T. S. A mediação como um método adequado ao tratamento de conflitos familiares envolvendo abandono afetivo em alternativa ao processo judicial. 2020. 33 f. Trabalho de Conclusão (graduação em Direito) - Universidade La Salle, Canoas, 2020. Disponível em: http://hdl.handle.net/11690/1872. Acesso em: 19 jul. 2021.
Abstract: O presente artigo foi concebido como Trabalho de Conclusão de Curso do Curso de Direito da Universidade La Salle, no semestre letivo de 2020/1, sob a orientação da Profª. Mª. Elisa Ustárroz. A pesquisa tem como objetivo verificar se a mediação seria um método adequado para resolução dos conflitos familiares envolvendo casos de abandono afetivo em alternativa ao processo judicial. As hipóteses que orientam o trabalho sugerem que a mediação poderia ser uma alternativa adequada a ser utilizada nos casos de abandono afetivo antes de um processo judicial litigioso, tendo em vista que, quando a prole procede com o processo judicial, está sentindo-se magoada com o genitor por quem foi abandonada. Trazendo uma nova perspectiva para a resolução de conflitos no âmbito familiar e, a partir do estudo realizado, sugere-se-se que os resultados da utilização da mediação nos casos de abandono afetivo podem ser melhores do que aqueles decorrentes diretamente com um processo judicial, haja vista oportunidade de se restabelecer o diálogo entre os mediandos.
metadata.dc.contributor.advisor: Ustárroz, Elisa
Appears in Collections:Trabalho de Conclusão de Graduação (Direito)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tssouza.pdf
  Until 2070-01-01
Closed Access356.81 kBAdobe PDFView/Open Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.