Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11690/2558
Authors: Gonçalves, Claudiâni Guimarães Vargas
Title: Memória empresarial do Banrisul Armazéns Gerais S. A. (BAGERGS) e a sua contribuição para o desenvolvimento do Rio Grande do Sul
Keywords: Memória empresarial;Memória social;Patrimônio empresarial;Banrisul Armazéns Gerais S. A. (BAGERGS);Desenvolvimento econômico;Rio Grande do Sul
Issue Date: 2021
Publisher: Universidade La Salle
Citation: GONÇALVES, C. G. V. Memória empresarial do Banrisul Armazéns Gerais S. A. (BAGERGS) e a sua contribuição para o desenvolvimento do Rio Grande do Sul. 2021. 121 f. Dissertação (Mestrado em Memória Social e Bens Culturais) - Universidade La Salle, Canoas, 2021. Disponível em: http://hdl.handle.net/11690/2558. Acesso em: 21 fev. 2022.
Abstract: Este estudo está relacionado à linha de pesquisa Memória e Gestão Cultural do Mestrado Profissional em Memória Social e Bens Culturais e tem por objetivo identificar as contribuições da empresa Banrisul Armazéns Gerais S.A. (Bagergs) para o desenvolvimento econômico do estado do Rio Grande do Sul a partir da segunda metade do século XX, do ponto de vista da memória empresarial. Para tanto, aproxima-se dos conceitos de memória social, cultura, patrimônio industrial e memória empresarial, com o intuito de contextualizar a temática através dos autores Gondar, Halbwachs, Pollak, Ricoeur, Candau, Barros, Bauman, Cordeiro, Ferreira, Meneguello, Hobsbawm, Worcman, Nassar, Feldman e Feldman. Também se inclina para o tema fotografia como fonte que auxiliou na reconstrução histórica, tomando as contribuições de Dubois, Kossoy, Mauad e Fabris. Para entender a trajetória econômica do estado do Rio Grande Sul a partir de meados dos anos de 1950 e seus principais marcos importantes, utilizou-se os autores Soares; Fedozzi, Gertz, Pesavento, Moreira, Müller, Dacanal; Gonzaga e Kühn. Quanto à metodologia empregada, trata-se de uma pesquisa aplicada (Silveira e Córdova), descritiva (Triviños) e documental (Gil) aliada à análise de conteúdo (Bardin), que utilizou de fontes primárias (Atas Geral de Assembleia) e secundárias (fotografias e recortes jornalísticos). Como produto técnico final, apresenta-se um e-book baseado no layout “coffee table book”, tramando textos, recortes de jornais e fotografias, com o objetivo de obter reconhecimento sociocultural. Neste sentido, emprega-se as falas de Assmann e Agamben, sendo, o produto, uma justificativa de fortalecer as memórias econômica e empresarial.
metadata.dc.contributor.advisor: Waismann, Moisés
Appears in Collections:Dissertação (PPGMSBC)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
cgvgoncalves.pdfOpen Access6.54 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.