Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/11690/3511
Authors: Duarte, Júlia Maria Marques
Title: Olhares sobre sexualidade e o atendimento educacional especializado nos anos finais do Ensino Fundamental da rede pública municipal de Sapucaia do Sul/RS
Keywords: Educação;Sexualidade;Educação inclusiva;Ensino Fundamental
Issue Date: 2023
Publisher: Universidade La Salle
Citation: DUARTE, J. M. M. Olhares sobre sexualidade e o atendimento educacional especializado nos anos finais do Ensino Fundamental da rede pública municipal de Sapucaia do Sul/RS. 2023. 99 f. Dissertação (mestrado em Educação) - Universidade La Salle, Canoas, 2023. Disponível em: http://hdl.handle.net/11690/3511. Acesso em: 19 maio 2023.
Abstract: A presente pesquisa foi desenvolvida junto ao programa de Pós-graduação em Educação (PPGE), na Linha de Pesquisa - Linha 1- Formação de Professores. O tema desta dissertação se atrela às questões relativas à sexualidade de estudantes público alvo da Educação Especial, com vistas aos estudantes dos anos finais do ensino fundamental, atendidos na Sala de Recursos Multifuncional (SRM). Para tanto buscou-se, por meio de uma pesquisa qualitativa exploratória do tipo descritiva, analisar como as professoras especialistas da Sala de Recursos da rede Municipal de Sapucaia do Sul abordavam a temática sexualidade com estudantes público alvo da Educação Especial, do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental. O universo pesquisado abrangeu 24 das 30 escolas da rede pública municipal de Sapucaia do Sul/RS, haja vista que seis escolas da rede pública municipal são de Educação Infantil. Sendo os objetivos específicos: a) averiguar os manejos das manifestações relativas à sexualidade presentes nas práticas do Atendimento Educacional Especializado; b) investigar se as profissionais do AEE enfrentam impasses diante de questões relativas à sexualidade dos estudantes e quais são suas intervenções nestas situações. A partir disso, tem-se como questão problema: como as professoras especialistas, que atuam na Sala de Recursos da rede pública municipal de Sapucaia do Sul, abordam a temática sexualidade com as/os estudantes, público alvo da Educação Especial, do 6º ao 9º do Ensino Fundamental? Como instrumento para o levantamento de dados optou-se pela realização de entrevista semi-estruturada com as professoras especialistas para fins de análise de conteúdo, em Bardin (2016). Além disso, a pesquisa tem seu suporte teórico alicerçado em Butler (2020), Louro (2000), Mantoan (2003) e Silva (2007), assim como nas legislações brasileiras e internacionais nas quais o Brasil é signatário. Os resultados finais apontam que as professoras do Atendimento Educacional Especializado (AEE) abordam em suas práticas, as temáticas relativas à sexualidade. Porém, a maior parte de suas abordagens ocorrem de maneira higienista e superficial. Algumas professoras apresentam insegurança ao abordar a temática sexualidade a partir de seus planejamentos, necessitando atrelar suas abordagens às ações de outras/os profissionais. Algumas professoras também compreendem que as famílias ou responsáveis devem estar articulados com a escola para que haja intervenções relativas à temática sexualidade. Por outro lado, evidenciou-se também que a intervenção das famílias nas questões alusivas à sexualidade dentro do espaço escolar ocorrem por permissividade e falta de protagonismo das/os profissionais da educação para tratar dessa temática. Constatou-se ainda, que tais intervenções repercutem nas práticas docentes do AEE e geram insegurança nessas profissionais quanto à temática sexualidade.
metadata.dc.contributor.advisor: Silva, Denise Regina Quaresma da Silva
Appears in Collections:Dissertação (PPGE)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VERSÃO FINAL DISSERTAÇÃO JÚLIA 28.01 (1).pdfOpen Access985.01 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.